sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Edilson agora visa a Câmara

BEATRIZ GÁLVEZ Especial para a Folha - publicado na Folha de PE em 19/11 

Presidente estadual do PSOL e candidato derrotado ao Governo do Estado, Edilson Silva, já está se articulando para viabilizar sua candidatura à Câmara dos Vereadores, em 2012. A primeira reunião de mobilização do dirigente está marcada para as 15h de amanhã, no auditório do Clube de Engenharia. O evento é aberto “a todos que queiram contribuir” com a candidatura, mas as presenças certas são de lideranças comunitárias, sindicais, movimentos da sociedade civil dentre outras pessoas que estiveram envolvidas com a campanha do psolista este ano.

“Vamos fazer uma plenária, um movimento, para a construção da minha candidatura a vereador. Será a primeira reunião, vamos iniciar a conversa para depois ampliá-la. Mantemos o contato com as pessoas e muita gente está interessada no processo, mas essa é uma movimentação que quero deixar bem à vontade, é um movimento suprapartidário”, explicou Silva. Conhecido por postular candidatura sempre independente de apoios, ele avisa que isso mudará. “Tivemos três eleições praticamente sem alianças, mas, no próximo pleito, devemos ampliar no sentido de buscar uma aliança que possa representar uma candidatura mais plural e com mais força no Recife. Na eleição estadual e presidencial, há projetos nacionais onde é importante que os projetos estaduais estejam em consonância, mas na eleição municipal isso fica mais no âmbito micropolítico”, observou.

Questionado com quem seriam as alianças, Edilson elencou o PV, enfatizando o papel do seu presidente estadual, Sérgio Xavier; além do PCB e PSTU. “Está muito cedo, muita coisa vai rolar ainda, mas como o calendário eleitoral no Brasil é muito precoce, penso que com essas personalidades políticas é bastante possível que haja alianças. Mas vai depender das conversas”, minimizou.

Esta será a quarta candidatura de Edilson, mas a primeira a cargo proporcional. Sua estréia foi na campanha ao Governo, em 2006, na qual obteve 26.786 votos (0,667% dos votos válidos), dos quais 11.834 no Recife. Em 2008, disputou a Prefeitura do Recife, somando 25.568 votos (3,05%). No último dia 3 de outubro, Silva tentou mais uma vez o Governo do Estado e terminou na quarta colocação, com 37.257 votos (0,89%), dos quais 15.811 no Recife.

Nenhum comentário:

Postar um comentário